Dário Vitório Kopenawa Yanomami

Imprimir
PDF

Bibliografia

Escrito por admin on .

dariobio

Dário Vitório Kopenawa Yanomami nasceu em 1982, na comunidade do Watoriki (Serra do Vento), também conhecida como Demini, em Amazonas no Brasil. Ainda vive lá

Ele é o filho mais velho de Davi Kopenawa Yanomami, líder conhecido em todo o mundo pela defesa dos direitos do povo Yanomami. Dário segue os  passos do pai, e começou sua luta ainda jovem quando, de 1997 a 1999, ele tornou-se professor em sua comunidade, encabeçando o projeto de educação intercultural bilíngüe  com grande ênfase na valorização da escrita da língua Yanomami.

Em 2004 ele se tornou o responsável pela escola em sua comunidade, e ao mesmo tempo se juntou ao  conselho de administração da  Hutukara Associação Yanomami , da qual seu pai é o presidente. Dário foi um dos participantes no curso de formação dos professores Yanomami desenvolvido pela CCPY. Ele esteve em visitas de intercâmbio com outros povos indígenas no Brasil, visitando estado do Amapá (2000), o Parque do Xingu (2002), o Makuxi e Wapixana, em Roraima (2002 e 2004) e os povos indígenas no Acre (2006).

Ele também participou também nas assembléias da COPIAM  (Comissão dos Povos Indígenas do Amazonas, Acre e Roraima) em 2000, e OPIR (Organização dos  Professores Indígenas de Roraima) em 1999 e 2007.  Em 2002, ele fez parte de um grupo dos professores Yanomami que, juntamente com representantes da CCPY, viajram para Boston nos EUA para uma série de conferências nas escolas e universidades. Em 2003, em Paris, ele deu palestras para estudantes franceses durante a abertura da Exposição dos Yanomami na Fondation  Cartier. Durante o mesmo viagem, ele viajou para a Itália a convite da Survival Internacional Itália, onde se encontrou com políticos e estudantes.


dariobio2

Fotos: Bruce Albert

Tradução de texto da Survival International.

Dário Vitório Kopenawa Yanomami (English)

radiotower

Expansão da rede de comunicação dos Yanomami por radiofonia

O projeto tem como meta ampliar a rede de aldeias yanomami interligadas pela comunicação via radiofonia. Atualmente fazem parte desta rede 17 comunidades localizadas na Terra Indígena Yanomami mais a sede da HAY localizada em Boa Vista. A meta deste projeto é ampliar para 87 o número de comunidades, o que corresponde a 32% do total de comunidades yanomami no Brasil (257). Leia Mais ∴